Cotações Mapas Notícias em seu e-mail
Precisa vender? Mais de 6.000 visitantes diariamente esperam pelo seu produto aqui no Pecuaria.com.br. Clique aqui e veja como e facil anunciar!
 
 
 
 


 
Receba, diariamente, em seu
e-mail nosso boletim com os assuntos que mais interessam
ao profissional do setor.

Clique aqui e inscreva-se gratuitamente.


Adriano Garcia
MTb 10252-MG

 

Ractopamina causa novo embargo russo ao Brasil
 
 
Publicado em 26/04/2013

O serviço de Defesa Agropecuária da Rússia, o Rosselkhoznadzor, suspendeu a partir desta quinta-feira (25/4) a importação de tripas produzidas por alguns frigoríficos brasileiros devido à presença de resíduos de ractopamina, um indutor de crescimento utilizado na ração dos animais.

O Rosselkhoznadzor informou ter detectado a presença de resíduos em intestino (tripa) do estabelecimento de SIF 862 (do JBS, situado em Goiânia) e carnes bovinas das plantas de SIF 504 (do Friboi, em Ituiutaba - MG), de SIF 421 (do Minerva, em Barretos - SP) e de SIF 4400 (do JBS em Campo Grande). As plantas a partir de agora estão sob controle laboratorial rígido.

O Rosselkhoznadzor afirmou que o secretário brasileiro de Defesa Agropecuária, Enio Marques, garantiu que a partir de dezembro do ano passado seriam adotadas medidas para atender os requisitos do mercado russo, incluindo a ractopamina. Os russos lembram que a Defesa Agropecuária assegurou que ractopamina utilizada na alimentação do rebanho bovino é proibida no Brasil.

Embora a nota divulgada pelo Rosselkhoznadzor cite apenas o controle rígido aos produtos dos quatro frigoríficos citados, no site da instituição consta que o embargo se estende a outras empresas. A informação é de que está suspensa temporariamente as importações das plantas de SIF 1001 (BFR, em Rio Verde - GO), de SIF 3047 (Marfrig, em Mineiros - GO), de SIF 3062 (Marfrig, em Rio Verde - GO), de SIF 431 (do Minerva em Palmeiras de Goiás (GO); e de SIF 3181 (JBS - Naviraí - MS).

O Ministério da Agricultura não esclarece o assunto argumentando que não foi informado oficialmente pelo Rosselkhoznadzor, mas que mesmo assim recomendou à fiscalização que suspenda a emissão de novas guias para embarques de tripas para o mercado russo.

Em relação ao possível embargo de duas cargas de carnes pela União Europeia no porto de Roterdã, por causa da presença de bactérias, a Defesa Agropecuária informa que não tomou conhecimento oficial do assunto.  Com informações do Globo Rural.

  Compartilhe Compartilhe esta matéria    Imprimir


   Leia também:
 
[19/12/2014] - Pecuarista resiste às tentativas de baixar o boi
[19/12/2014] - Governo prevê alta nas exportações de carne
[19/12/2014] - Carne puxa alta recorde da inflação
[19/12/2014] - Pecuarista recusa alta de preço na reposição
[19/12/2014] - Contran adia emplacamento de máquinas por 2 anos
[19/12/2014] - Um bom negócio que mostra o campo à cidade
[18/12/2014] - Festas de fim de ano tiram frigoríficos do mercado

Regras para a publicação de comentários


   Notícias Anteriores
 
[18/12/2014] - Exportações sobem em relação a novembro
[18/12/2014] - CEPEA: frigoríficos reduzem compra de boi
[18/12/2014] - Polícia prende fiscais por fraude no leite
[18/12/2014] - PEC da demarcação ficou para 2015
[18/12/2014] - Senado derruba emplacamento mas depende de Dilma
[18/12/2014] - Recomposição de reserva legal vai à Justiça
[17/12/2014] - Crise na Rússia derruba exportações em dezembro
[17/12/2014] - IMEA prevê demanda forte por carnes
[17/12/2014] - Frigoríficos aumentam a pressão sobre a arroba
[17/12/2014] - Agro gerou quase meio trilhão de reais em 2014
[17/12/2014] - Alta nos custos preocupa pecuaristas
[17/12/2014] - Preços dos lácteos continuam caindo
[17/12/2014] - Nova operação policial contra leite adulterado
[17/12/2014] - Furtos levam medo a propriedades rurais
[16/12/2014] - BNDES transforma donos do JBS em bilionários
[16/12/2014] - Dilma elogia Kátia Abreu em posse na CNA
[16/12/2014] - Arroba: escalas mais logas, pressão de baixa
[16/12/2014] - Brasil importou menos lácteos em novembro
[16/12/2014] - Laboratório que falsificava agrotóxicos é fechado
[15/12/2014] - Frigoríficos do Brasil puxam embarques do Uruguai
[15/12/2014] - Bezerro subiu duas vezes mais que o boi no PR
[15/12/2014] - Arroba: frigoríficos tentam segurar as cotações
[15/12/2014] - Sementes de pastagem estão mais baratas
[15/12/2014] - Operação do MP faz produtor inocente perder leite
[12/12/2014] - Rússia: uma decepção para a pecuária bovina
[12/12/2014] - Oferta melhora e frigoríficos pagam menos
[12/12/2014] - Abate de fêmeas tem queda
[12/12/2014] - Pecuária puxa crescimento da indústria de ração
[12/12/2014] - Abates no Paraná cresceram 8,5%
[12/12/2014] - Pastagens: 45% tem baixa produtividade
[12/12/2014] - Vigor, do grupo JBS, quer voltar às compras
[12/12/2014] - LBR tem problemas com produtores e muda plano
[11/12/2014] - Exportações de carne devem continuar fortes
[11/12/2014] - Arroba do boi cai em São Paulo
[11/12/2014] - CEPEA: confinamento pressiona arroba
[11/12/2014] - Abates caíram 4,5% no trimestre, segundo o IBGE
[11/12/2014] - Wesley Batista nega lobby contra Kátia Abreu
[11/12/2014] - JBS negocia a compra de outro banco
[11/12/2014] - Frigoríficos perdem votação da MP da inspeção
[11/12/2014] - Comissão aprova isenção do emplacamento
[11/12/2014] - Sessão polêmica adia PEC da demarcação
[10/12/2014] - Rússia pode reduzir compra de carne em até 20%
[10/12/2014] - Minerva: oferta de gado será menor em 2015
[10/12/2014] - Oferta curta mantém o mercado firme para o boi
[10/12/2014] - Exportações de carne do MT podem bater recorde
[10/12/2014] - Agro deverá aumentar participação no PIB
[10/12/2014] - Está mais caro produzir leite
[10/12/2014] - Medida que favoreceria JBS volta em nova MP
[10/12/2014] - Congresso pode votar hoje emplacamento de trator
[09/12/2014] - Frigoríficos voltam a tentar pressionar o boi

     Clique aqui para ver o índice geral de noticias


 

 

 

Adicione seu site Comprar e vender Atendimento ao anunciante Mais buscados

Venda para a pecuária brasileira através da Internet!
Clique aqui e veja como anunciar no Pecuária.com.br