Cotações Mapas Notícias em seu e-mail
Precisa vender? Mais de 6.000 visitantes diariamente esperam pelo seu produto aqui no Pecuaria.com.br. Clique aqui e veja como e facil anunciar!
Arroba do Boi - R$ (À vista)
SP MS MG
150,00 141,00 146,00
GO MT RJ
139,00 135,00 146,00
Reposição - SP - R$
Bezerro 12m 1380,00
Garrote 18m 1630,00
Boi Magro 30m 2000,00
Bezerra 12m 1010,00
Novilha 18m 1250,00
Vaca Boiadeira 1420,00

Atualizado em: 13/12/2018 11:59

Cotações da Arroba: SP-Noroeste, MS-Três Lagoas, MG - Triângulo, GO - Região Sul, MT - Rondonópolis, RJ-Campos
Clique aqui e veja cotações anteriores

 

 

 

 


 
Receba, diariamente, em seu
e-mail nosso boletim com os assuntos que mais interessam
ao profissional do setor.

Clique aqui e inscreva-se gratuitamente.


Adriano Garcia
MTb 10252-MG

 

EDITORIAL: Um craque que fará falta à ExpoZebu

 
 
 
Publicado em 25/04/2007

O mercado pecuário recebe, todos os anos, diversos novos investidores. Empresários bem sucedidos, novos integrantes de famílias já tradicionais em outros ramos do agronegócio e demais recém-chegados chegam e são festejados, como devem ser. A ampliação do mercado é sempre benéfica a todos, trazendo maior diversidade e investimentos. Porém todos os anos alguns criadores deixam o setor e, mesmo apresentando um trabalho de relevância, saem sem que sua competência seja reconhecida publicamente, não somente com os (importantes) lances de um leilão de liquidação, mas também através de uma reflexão sobre os resultados de seu trabalho, que se propagarão pelas próximas gerações. Um destes criadores liquidou sua genética premiada no último mês de março e não estará mais com seu time de pista na ExpoZebu: Antônio Villela Couto, da Fazenda Santa Nilza.

Couto, já um industrial de sucesso, começou sua seleção de Nelore Elite no ano de 2001 quando, em parceria com Luiz Humberto, da Nova Índia Genética, adquiriu em leilões suas primeiras matrizes: Iguana, Parse, Pistacha e Yamuna. Na época as instalações da Fazenda ainda estavam em reforma, com os primeiros animais permanecendo na central.

A partir daí surgiu uma carreira de sucesso marcada por diversos momentos importantes e por uma presença regular no topo do Ranking Nacional da ACNB (Associação dos Criadores de Nelore do Brasil). No campeonato expositor, Antônio Couto conquistou o vice-campeonato no certame 2002-2003, terceiro lugar em 2003-2004 e 2004-2005. Já no campeonato Melhor Criador, a Santa Nilza chegou ao quinto lugar já no ranking 2003-2004, conquistando o título nacional em 2004-2005 e a quarta colocação em 2005-2006. No ranking atual, mesmo após deixar as pistas, Couto figura no nono lugar parcial no campeonato melhor criador. Isto sem contar os diversos animais do plantel que estão e estiveram entre os primeiros do atual ranking e em edições anteriores, que nos alongaríamos muito a citar.

O plantel da Santa Nilza também contou com a contribuição genética de matrizes que fazem história no Nelore. JEN Açuncena, a própria Parse, já mencionada acima, Iryba, Bélgica, Iguana e diversas outras estão nos topos de ranking de suas respectivas categorias e suas genéticas ainda contribuirão muito para o futuro da raça. Há que se citar também alguns exemplos do sucesso dos animais da própria criação: entre os machos jovens no ranking do ano passado, três dos 25 primeiros colocados têm o sufixo da fazenda e entre as fêmeas adultas, duas são crias da Santa Nilza: Ciana TE da Santa Nilza, quinta colocada, e Duna TE da Santa Nilza, sexta.

Com todos estes resultados, entre diversos outros, conquistados ao longo de pouco menos de seis anos de seleção, a ausência do time de pista da Santa Nilza e de Couto, Cristina - sua esposa sempre atuante - e do onipresente Júnior, serão sentidas na próxima semana. Seus exemplos de competência, seriedade e dedicação ao Nelore permanecerão, servindo de exemplo para os recém-chegados.

Conhecemos Couto em 2001, chamados para discutir o possível desenvolvimento do site da Fazenda, que acabou se concretizando pouco tempo depois. A fazenda em obras, pastagens em formação, instalações ainda em construção, tudo conspirava contra a publicidade naquele momento, já que não havia muito a fotografar. Mas Couto decidiu pela divulgação assim mesmo: “É bom pois as pessoas verão que estou começando e acompanharão tudo comigo”, dizia. Indagado sobre a urgência em registrar o nome da fazenda na Internet, já que nomes de santos são comuns e bastante visados, Couto saiu-se com seu típico bom humor: “Fique tranqüilo, esta santa não existe. Nilza é o nome de minha mãe.”

  Compartilhe Compartilhe esta matéria    Imprimir

 


   Leia também:
 
[13/12/2018] - Fux volta atrás e tabela de fretes volta a valer
[13/12/2018] - CNA recorrerá contra tabela do frete
[13/12/2018] - Líder dos caminhoneiros agradece Fux
[13/12/2018] - Exportações de gado em pé cresceram 80%
[13/12/2018] - Arroba chega ao maior valor do ano
[13/12/2018] - Abates de novilhas batem recorde
[13/12/2018] - Abates bovinos cresceram 7% em um ano
[13/12/2018] - Exportações poderiam ter crescido mais
[13/12/2018] - Leite: longa vida tem preços estáveis
[13/12/2018] - Mercado do leite está estagnado
[13/12/2018] - Onde criar gado é correr risco de vida

Regras para a publicação de comentários


   Notícias Anteriores
 
[12/12/2018] - Exportações devem bater recorde em 2019
[12/12/2018] - Arroba: frigoríficos precisam de boi para o Natal
[12/12/2018] - Para onde vai o preço da reposição?
[12/12/2018] - Fracassa leilão de frigorífico em SP
[12/12/2018] - Venda da parte do BNDES na JBS ficou para 2019
[12/12/2018] - Ruralistas nunca foram contra ambiente e índios
[12/12/2018] - Deputados querem prorrogar o Refis do Funrural
[11/12/2018] - PF investiga propina da JBS a Aécio Neves
[11/12/2018] - Árabes aumentam pressão sobre Bolsonaro
[11/12/2018] - Caminhoneiros temem falta de apoio para greve
[11/12/2018] - Arroba: festas de final de ano puxam o boi
[11/12/2018] - Oferta curta valoriza preço da reposição
[11/12/2018] - Alta no atacado puxa preço da carne no varejo
[11/12/2018] - Exportações de carne: dezembro começa forte
[10/12/2018] - Caminhoneiros protestam contra decisão do STF
[10/12/2018] - Arroba do boi segue subindo
[10/12/2018] - Atacado da carne tem recorde de preço
[10/12/2018] - Marfrig será líder global em hambúrguer
[10/12/2018] - Leite: oferta aumentou e derrubou preço
[10/12/2018] - MG terá nova referência para o preço do leite
[10/12/2018] - Milho: preços seguem firmes
[10/12/2018] - Agro dá apoio ao novo ministro do Meio Ambiente
[07/12/2018] - STF impede multa por desrespeito à tabela do frete
[07/12/2018] - Mais uma greve dos caminhoneiros?
[07/12/2018] - Arroba do boi ganha força na alta
[07/12/2018] - Mercado do boi está devagar em SC
[07/12/2018] - Marfrig fecha compra de unidades da BRF
[07/12/2018] - Tereza: produtor deve ser pago para preservar
[07/12/2018] - Milho deve ficar mais caro em 2019
[07/12/2018] - Funai irá para o Ministério dos Direitos Humanos
[06/12/2018] - Arroba do boi voltou a subir em São Paulo
[06/12/2018] - Exportação de boi em alta em novembro
[06/12/2018] - Boi deve subir no Mato Grosso
[06/12/2018] - Há frigoríficos pagando mais pelo boi
[06/12/2018] - CNA pede suspensão de multas por tabela
[06/12/2018] - Custos devem derrubar PIB do Agro em 2018
[06/12/2018] - Dívida do Funrural será extinta?
[06/12/2018] - Minerva nega oferta para comprar ativos da BRF
[06/12/2018] - Prazo para o CAR termina em 31 de dezembro
[05/12/2018] - JBS: Batistas fora da liderança
[05/12/2018] - JBS: foco no aumento da margem de lucro
[05/12/2018] - Arroba do boi segue firme
[05/12/2018] - Bezerro subiu mais que a arroba na Bahia
[05/12/2018] - Bolsonaro nega que Funai vá para o MAPA
[05/12/2018] - Projeto pode aumentar burocracia
[04/12/2018] - Arroba começa dezembro em alta
[04/12/2018] - Reposição está em falta no mercado
[04/12/2018] - Dólar segura preço do farelo de soja
[04/12/2018] - Exportações de carne seguem com força
[04/12/2018] - Agro tem a maior alta no PIB do trimestre

     Clique aqui para ver o índice geral de noticias


 

 

 

Adicione seu site Comprar e vender Atendimento ao anunciante Mais buscados

Venda para a pecuária brasileira através da Internet!
Clique aqui e veja como anunciar no Pecuária.com.br