Cotações Mapas Notícias em seu e-mail
Precisa vender? Mais de 6.000 visitantes diariamente esperam pelo seu produto aqui no Pecuaria.com.br. Clique aqui e veja como e facil anunciar!
Arroba do Boi - R$ (À vista)
SP MS MG
141,00 129,00 136,00
GO MT RJ
131,00 128,00 130,00
Reposição - SP - R$
Bezerro 12m 1270,00
Garrote 18m 1520,00
Boi Magro 30m 1820,00
Bezerra 12m 960,00
Novilha 18m 1160,00
Vaca Boiadeira 1330,00

Atualizado em: 16/7/2018 10:04

Cotações da Arroba: SP-Noroeste, MS-Três Lagoas, MG - Triângulo, GO - Região Sul, MT - Rondonópolis, RJ-Campos
Clique aqui e veja cotações anteriores

 

 

 

 


 
Receba, diariamente, em seu
e-mail nosso boletim com os assuntos que mais interessam
ao profissional do setor.

Clique aqui e inscreva-se gratuitamente.


Adriano Garcia
MTb 10252-MG

 

Arroba: prisão de delatores vai derrubar o boi?

 
 
 
Publicado em 12/09/2017

A consultoria Safras & Mercado acredita em uma continuidade do movimento positivo das cotações. Já a Scot Consultoria indica uma possibilidade de paralisação na alta da arroba, após a prisão de executivos do grupo J&F

O mercado do boi gordo ficou parado nesta segunda-feira, dia 11, refletindo o momento típico da semana, quando os frigoríficos organizam suas estratégias para os dias seguintes. O cenário geral ainda é de preços melhores, devido à baixa disponibilidade de boiadas, gerada pelo menor número de animais ofertados no primeiro giro de confinamento.

Acompanhe as cotações da arroba do boi gordo e da reposição em: www.pecuaria.com.br/cotacoes.php

No entanto, as recentes notícias envolvendo a JBS podem paralisar o movimento de subida nos preços, de acordo com a Scot Consultoria.

“No primeiro momento das delações, meses atrás, houve um descrédito generalizado em relação à saúde financeira da empresa e houve uma migração de oferta de venda para outras empresas. Esse movimento provocou uma queda de preço mais acentuada do que normalmente aconteceria. Desta vez, é um pouco diferente”, diz o presidente da Scot, Alcides Torres.

Ele acrescenta que não há oferta de boiadas, que o mercado está em plena entressafra e há pouco gado de confinamento. “Em função disso, se houver uma debandada dos pecuaristas em relação à comercialização com a empresa, essa movimentação vai aumentar a oferta para os demais frigoríficos. Esse fato pode não derrubar a cotação do boi, mas pode muito bem frear a alta do preço da arroba”, explicou Torres.

Já a Safras & Mercado indica que a tendência de alta nos preços deve continuar, puxada principalmente por fatores de fundamento, ou seja, a baixa disponibilidade de animais.

De acordo com a consultoria, os produtores já estavam procurando vender os animais para outros frigoríficos, Além disso, as reduções de ICMS de gado em pé ajudaram na maior opção de venda do pecuarista, que teve a oportunidade de negociar com outros estados.

“Em geral, as indústrias ainda encontram dificuldades na composição das escalas e há uma tendência mais agressiva na compra de gado, inclusive da JBS, que tem ofertado valores acima da referência para conseguir a matéria prima”, explicou o analista Fernando Iglesias.

Entenda o caso

Neste domingo, dia 10, o empresário Joesley Batista e o executivo da J&F (holding que controla a JBS) Ricardo Saud se entregaram à Polícia Federal (PF), em São Paulo. A prisão temporária foi autorizada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin a pedido do procurador-geral da República, Rodrigo Janot. O pedido foi feito depois de Janot alegar que os colaboradores teriam omitido informações em seus depoimentos ao Ministério Público.

A defesa do empresário e do executivo contestou, por meio de nota, que eles tenham mentido ou omitido informações no processo que levou ao acordo de delação premiada.

“Em todos os processos de colaboração, os colaboradores entregam os anexos e as provas à Procuradoria [Geral da República] e depois são chamados a depor. Nesse caso, Joesley Batista e Ricardo Saud ainda não foram ouvidos”, diz a nota.  Com informações do Canal Rural.

  Compartilhe Compartilhe esta matéria    Imprimir

 


   Leia também:
 
[16/07/2018] - Lula teria pedido para agilizar verba para a JBS
[16/07/2018] - Arroba: frigoríficos oferecem acima da referência
[16/07/2018] - Reposição ganhou força
[16/07/2018] - Exportações de boi em pé cresceram 84%
[16/07/2018] - Exportações do Agro seguem firmes, apesar da greve

Regras para a publicação de comentários


   Notícias Anteriores
 
[13/07/2018] - Arroba: frigoríficos cm dificuldade para comprar
[13/07/2018] - Preço da carne continua caindo no varejo
[13/07/2018] - STF nega liminar que suspenderia tabela de frete
[13/07/2018] - Frete: aprovação não derruba ações judiciais
[13/07/2018] - O Brasil ganha ou perde com a guerra comercial?
[13/07/2018] - Preço do milho recua e pode cair mais
[13/07/2018] - CNA: campo precisa entrar na política de segurança
[12/07/2018] - Arroba subiu, frigoríficos já pagam mais
[12/07/2018] - CEPEA: arroba em alta, carne em baixa
[12/07/2018] - Frigoríficos apostam em retomada das exportações
[12/07/2018] - Abates batem recorde positivo no MT após a greve
[12/07/2018] - PIB da Pecuária recua no MT mas deve se recuperar
[12/07/2018] - Câmara aprova tabela de frete
[12/07/2018] - Senado aprova tabela de frete em tempo recorde
[12/07/2018] - Lactalis vai produzir marca francesa no Brasil
[11/07/2018] - Arroba: frigoríficos não acham boi para comprar
[11/07/2018] - Carne bovina deve subir mais
[11/07/2018] - Leite pára de subir
[11/07/2018] - Custo deve subir até 50% com tabela de frete
[11/07/2018] - Frete alto dificulta entrega de fertilizantes
[11/07/2018] - JBS: Noruega decide não investir e cita corrupção
[11/07/2018] - Polpa cítrica: oferta está menor
[10/07/2018] - Quem quer vender boi a R$ 150 a arroba?
[10/07/2018] - Consumo de carne bovina segue devagar
[10/07/2018] - Proibição da exportação pode ser votada hoje
[10/07/2018] - Inspeção privada tem data para começar no RS
[10/07/2018] - Crise e inflação podem piorar com tabela
[10/07/2018] - Tabelamento do frete pode ser aprovado hoje
[10/07/2018] - Doença que atinge o milho chegou ao Paraná
[10/07/2018] - Prefeitura fecha acordo para reabrir frigorífico
[09/07/2018] - Arroba: feriado em SP pode puxar cotação do boi
[09/07/2018] - Proibição das exportações pode parar na Justiça
[09/07/2018] - Milho: compradores esperam que preços caiam
[09/07/2018] - Brasil precisa vender melhor lá fora
[06/07/2018] - Consultoria prevê aumento das exportações
[06/07/2018] - MAPA tenta ampliar vendas aos árabes
[06/07/2018] - Arroba: consumo ainda segura a alta do boi
[06/07/2018] - Reposição começa a se movimentar
[06/07/2018] - Pecuaristas do MS pedem redução do ICMS
[06/07/2018] - Proibição de exportação é adiada novamente
[06/07/2018] - Contra tabela, produtores compram caminhões
[06/07/2018] - Milho disparou. Para onde vão os preços?
[06/07/2018] - Crime: união com pecuaristas reduz furtos e roubos
[05/07/2018] - Arroba: frigoríficos já pagam acima da referência
[05/07/2018] - Preço da carne exportada bate recorde
[05/07/2018] - Carne bovina recupera espaço em relação ao frango
[05/07/2018] - Relator da tabela de fretes ignora produtores
[05/07/2018] - JBS: CVM não vê falha em divulgação da delação
[05/07/2018] - Deputado quer restringir importação de lácteos
[04/07/2018] - Arroba: escalas estão curtas

     Clique aqui para ver o índice geral de noticias


 

 

 

Adicione seu site Comprar e vender Atendimento ao anunciante Mais buscados

Venda para a pecuária brasileira através da Internet!
Clique aqui e veja como anunciar no Pecuária.com.br