Cotações Mapas Notícias em seu e-mail
Precisa vender? Mais de 6.000 visitantes diariamente esperam pelo seu produto aqui no Pecuaria.com.br. Clique aqui e veja como e facil anunciar!
Arroba do Boi - R$ (À vista)
SP MS MG
149,00 143,00 143,00
GO MT RJ
139,00 135,00 145,00
Reposição - SP - R$
Bezerro 12m 1350,00
Garrote 18m 1570,00
Boi Magro 30m 1940,00
Bezerra 12m 970,00
Novilha 18m 1170,00
Vaca Boiadeira 1380,00

Atualizado em: 22/10/2018 11:24

Cotações da Arroba: SP-Noroeste, MS-Três Lagoas, MG - Triângulo, GO - Região Sul, MT - Rondonópolis, RJ-Campos
Clique aqui e veja cotações anteriores

 

 

 

 


 
Receba, diariamente, em seu
e-mail nosso boletim com os assuntos que mais interessam
ao profissional do setor.

Clique aqui e inscreva-se gratuitamente.


Adriano Garcia
MTb 10252-MG

 

Venda da Itambé pode parar na Justiça

 
 
 
Publicado em 08/12/2017

A compra da Itambé Alimentos pela francesa Lactalis ganha contornos de uma futura batalha judicial. A empresa mexicana de lácteos Lala, que tentou comprar a Itambé - mas ficou só com a Vigor -, pode entrar na Justiça para questionar a operação, segundo fonte próxima à companhia.

Em teleconferência ontem com analistas sobre a aquisição da Vigor, o presidente da Lala, Scot Rank, foi econômico sobre o assunto, mas admitiu que a empresa está "analisando com conselheiros externos as implicações comerciais e legais" da venda da Itambé para a Lactalis. Ele fez a declaração quando uma analista o questionou se a operação mudava o ambiente competitivo para a empresa que acaba de ingressar no Brasil.

Em agosto, a Lala anunciou a compra da Vigor, que era controlada pela J&F, e de até 100% das ações da Itambé (joint venture entre a Vigor e a Cooperativa Central dos Produtores Rurais de Minas Gerais Ltda - CCPR). O acordo de acionistas entre Vigor e CCPR previa direito de preferência para a central recomprar a fatia de 50% na Itambé em caso de venda da Vigor. A CCPR exerceu esse direito e retomou o controle da Itambé, mas na última terça-feira surpreendeu o mercado anunciando a venda da empresa mineira para a gigante Lactalis.

A base para o eventual questionamento da transação pela Lala é que durante as negociações para a venda da Vigor (que incluía a participação na Itambé) foi assinado um contrato de confidencialidade, pelo qual as empresas que participaram do processo de compra e apresentaram oferta pelos ativos não poderiam negociar com a CCPR pelo período de dois anos, como já informou o Valor. Outro efeito da venda da Itambé para a Lactalis é que a Lala deve voltar a prospectar ativos no mercado brasileiro de lácteos, disse a mesma fonte próxima à empresa mexicana.

Na teleconferência ontem, Scot Rank, CEO da Lala, também fez questão de destacar que os suprimentos de leite da Vigor e da Itambé sempre foram independentes. "A Vigor tem operações de abastecimento de leite totalmente independentes da Itambé", afirmou, antes mesmo de ser questionado por analistas.

A razão para a preocupação é que o negócio entre Lactalis e CCPR inclui um contrato de fornecimento de leite de longo prazo. Pelo acordo, os produtores de leite associados da CCPR fornecerão a matéria-prima para a Itambé. Como ficou sem a Itambé, a Lala perdeu chances de ganhos de sinergia no segmento de produção, acreditam alguns analistas.  Com informações do Valor.

  Compartilhe Compartilhe esta matéria    Imprimir

 


   Leia também:
 
[22/10/2018] - Arroba: frigoríficos pararam de comprar boi
[22/10/2018] - Arroba caiu, mas reposição não
[22/10/2018] - MP interdita unidade do Marfrig
[22/10/2018] - Mudança de governo dificulta acordo com a UE
[22/10/2018] - PIB da Pecuária cai e puxa PIB do Agro para baixo
[22/10/2018] - Dólar cai e já reduz preço do farelo de soja
[22/10/2018] - Milho: aumento de oferta derruba preços

Regras para a publicação de comentários


   Notícias Anteriores
 
[19/10/2018] - Arroba: frigoríficos seguem pressionando
[19/10/2018] - Baixa da arroba preocupa pecuaristas em GO
[19/10/2018] - Hong Kong quer restringir frigoríficos habilitados
[19/10/2018] - Irã quer ampliar compras de alimentos do Brasil
[19/10/2018] - Operações da PF ainda afetam vendas de carne
[19/10/2018] - Preço do leite negociado entre as indústrias caiu
[19/10/2018] - Escócia anuncia descoberta de caso de vaca louca
[18/10/2018] - Queda da arroba ganha força
[18/10/2018] - Produtividade do boi de SP é maior
[18/10/2018] - Carne bovina salva balança comercial de carnes
[18/10/2018] - Cuidado ao aderir ao Refis do Funrural
[18/10/2018] - Deputados reagem a nova demarcação no Paraná
[17/10/2018] - Senado prorroga adesão ao Refis do Funrural
[17/10/2018] - Arroba perde força e recua
[17/10/2018] - Brasil não aproveita cota para vendas à UE
[17/10/2018] - Justiça aceita recuperação judicial de frigorífico
[17/10/2018] - BRF tenta acordo de leniência
[17/10/2018] - Milho: preços despencam e travam vendas
[17/10/2018] - Bancada já indica nomes ao MAPA de Bolsonaro
[17/10/2018] - Políticos já falam em taxar o agronegócio
[17/10/2018] - Reposição ganha força no Maranhão
[16/10/2018] - Exportações devem bater recorde novamente
[16/10/2018] - EUA prevêem que Brasil exportará mais carne
[16/10/2018] - Arroba: confinamento chega e pressiona o boi
[16/10/2018] - Consumo de carne dá sinais de melhora
[16/10/2018] - Leite: longa vida cai no atacado e no varejo
[16/10/2018] - PF vê fraudes praticadas pela BRF
[16/10/2018] - BRF diz ter tolerância zero
[16/10/2018] - MAPA: vigilância contra aftosa em Roraima
[15/10/2018] - Abílio Diniz é indiciado pela Carne Fraca
[15/10/2018] - Incêndio fecha unidade do Marfrig
[15/10/2018] - JBS tenta levantar US$ 500 mi para rolar dívidas
[15/10/2018] - Arroba: frigoríficos estão testando o mercado
[15/10/2018] - Reposição: preços vão subir?
[15/10/2018] - Carne recua no atacado
[15/10/2018] - Milho: compradores se retraem e preço cai
[15/10/2018] - Leite: preço afasta pecuaristas da atividade
[15/10/2018] - Confusão sobre Refis do Funrural só aumenta
[15/10/2018] - STF mantém liberação de gado em Santos
[15/10/2018] - Invasão de índios à Funai termina em morte
[11/10/2018] - Exportações do Agro devem chegar a R$ 100 bi
[11/10/2018] - Exportações de carne bovina devem bater R$ 7 bi
[11/10/2018] - Arroba: frigoríficos pressionam e mercado trava
[11/10/2018] - CEPEA: preço do boi oscila com força
[11/10/2018] - EUA batem recorde na exportação de carne
[10/10/2018] - Aliado detalha propostas de Bolsonaro para o Agro
[10/10/2018] - Bancada vai ao RJ para dar apoio a Bolsonaro
[10/10/2018] - Arroba: confinamento pressiona cotação do boi
[10/10/2018] - Preço da carne não caiu
[10/10/2018] - Leite: primeira queda em sete meses

     Clique aqui para ver o índice geral de noticias


 

 

 

Adicione seu site Comprar e vender Atendimento ao anunciante Mais buscados

Venda para a pecuária brasileira através da Internet!
Clique aqui e veja como anunciar no Pecuária.com.br