Cotações Mapas Notícias em seu e-mail
Precisa vender? Mais de 6.000 visitantes diariamente esperam pelo seu produto aqui no Pecuaria.com.br. Clique aqui e veja como e facil anunciar!
Arroba do Boi - R$ (À vista)
SP MS MG
189,00 173,00 187,00
GO MT RJ
178,00 175,00 173,00
Reposição - SP - R$
Bezerro 12m 1750,00
Garrote 18m 2100,00
Boi Magro 30m 2550,00
Bezerra 12m 1350,00
Novilha 18m 1600,00
Vaca Boiadeira 1840,00

Atualizado em: 24/1/2020 10:20

Cotações da Arroba: SP-Noroeste, MS-Três Lagoas, MG - Triângulo, GO - Região Sul, MT - Rondonópolis, RJ-Campos
Clique aqui e veja cotações anteriores

 

 

 

 


 
Receba, diariamente, em seu
e-mail nosso boletim com os assuntos que mais interessam
ao profissional do setor.

Clique aqui e inscreva-se gratuitamente.


Adriano Garcia
MTb 10252-MG

 

MP cobra na Justiça R$ 21 bilhões da JBS

 
 
 
Publicado em 10/12/2019

O Ministério Público Federal (MPF) entrou com uma ação civil pública por improbidade administrativa contra o grupo JBS e a J&F Investimentos, além de 14 pessoas ligadas às empresas ou ao governo federal nas gestões petistas. O MPF acusa esse grupo de fraudes em financiamentos do BNDES durante o processo de internacionalização do JBS, entre 2007 e 2011.

Por conta disso, pede que a BNDESPar, braço de participações do banco, seja ressarcida das perdas que teria tido. Acrescido de juros e multas, esse devolução de recursos chegaria à casa dos R$ 21 bilhões.

“A empresa JBS/SA, por meio de seus donos e com uso de intermediários, pagou vultosas propinas a ocupantes de altos cargos na direção do governo federal para que estes cooptassem o presidente do BNDES e parte de seu corpo técnico, com o fim de que, por meio dos crimes de gestão fraudulenta e de prevaricação financeira, a JBS obtivesse acesso a investimentos maiores do que o necessário e em sobreavaliações do preço das ações da empresa, além da dispensa indevida da cobrança de juros”, explica o procurador da República Ivan Marx, em nota.

Na ação, o Ministério Público pede a condenação das empresas JBS e J&F, dos irmãos Joesley e Wesley Batista, dos ex-ministros Guido Mantega e Antonio Palocci e do ex-presidente do BNDES, Luciano Coutinho, entre outros.

Em março, o MPF já havia apresentado denúncia por fraudes no sistema BNDES/BNDESPar que teriam gerado prejuízos ao banco. Foram apontadas manobras praticadas no projeto de internacionalização do grupo JBS.

De acordo com o Ministério Público, o esquema, alimentado por propinas, garantiu financiamentos supervalorizados, a aprovação de investimentos sem a devida análise, o não acompanhamento das operações financeiras e empréstimos sem garantias. Em agosto, a denúncia recebeu um aditamento, evidenciando fraudes e perdão de juros na operação de aquisição da Swift Argentina.

Em nota, o grupo JBS afirma ser "é inacreditável, inaceitável e desleal que se usem as informações trazidas pelos colaboradores contra eles mesmos, que contribuíram para que o MPF chegasse até elas.".

"A J&F, JBS e colaboradores confiam no MPF e na Justiça brasileira, a despeito da condução do procurador Ivan Marx à frente da Operação Bullish. O colaborador não pode inventar versões para satisfazer uma tese acusatória. Colaborador colabora. Investigador é quem investiga. Apesar de todas as pressões, a J&F tem se mantido fiel aos fatos", diz. "O BNDESPar teve retorno de R$ 20,5 bilhões, em valores atualizados, sobre o capital investido na JBS. A participação do banco na empresa vale hoje R$ 15,1 bilhões. Trata-se do melhor investimento do banco no setor."

A empresa diz ainda que "os executivos da J&F e JBS firmaram amplo acordo de colaboração com o MPF, homologado pelo STF, bem como todas as suas controladas firmaram acordo de leniência. Juntos, pagarão 11 bilhões de reais a título de indenização, a maior de que se tem registro no mundo". Com informações do portal Estadão.
 

  Compartilhe Compartilhe esta matéria    Imprimir

 


   Leia também:
 
[24/01/2020] - Arroba: frigoríficos seguraram as compras
[24/01/2020] - Atacado da carne segue corrigindo preços
[24/01/2020] - Brasil tem a maior criação de empregos desde 2013
[24/01/2020] - Minerva levanta mais de R$ 1 bilhão na Bolsa
[24/01/2020] - Milho: alta de 28,3%
[24/01/2020] - Agro responde por 77% das exportações do PR
[23/01/2020] - Queda do boi não tem relação com a China

Regras para a publicação de comentários


   Notícias Anteriores
 
[23/01/2020] - BRF nega renegociação com a China
[23/01/2020] - Vender à China é coisa pra frigorífico grande?
[23/01/2020] - A China pode levar para onde o valor do boi?
[23/01/2020] - Arroba: mercado parado em São Paulo
[23/01/2020] - Pecuaristas protestam contra preço do boi em RO
[23/01/2020] - Frigoríficos do PR querem travar venda de bois
[23/01/2020] - Inflação desacelera com queda no preço da carne
[23/01/2020] - Milho: exportações perderam ritmo
[22/01/2020] - Frigoríficos estão mesmo tendo prejuízo na China?
[22/01/2020] - Frigoríficos perdem valor com impasse chinês
[22/01/2020] - Carne bovina cai também no Brasil
[22/01/2020] - Arroba: impasse no mercado do boi gordo
[22/01/2020] - Pecuaristas estão cautelosos na reposição
[22/01/2020] - Milho segue com preço firme
[22/01/2020] - CNI protesta contra reajuste da Tabela de Frete
[22/01/2020] - Justiça condena dez da Operação Carne Fraca
[21/01/2020] - China quer renegociar até carne já embarcada
[21/01/2020] - Exportações perderam ritmo mas seguem fortes
[21/01/2020] - Frigoríficos querem forçar baixa do boi
[21/01/2020] - Pecuaristas travam vendas com arroba menor
[21/01/2020] - Queda da carne não é generalizada
[21/01/2020] - PIB do Agro cresceu 1,15% até outubro
[20/01/2020] - Arroba: preços continuarão caindo?
[20/01/2020] - SC bate recorde na exportação de carne
[20/01/2020] - Vai faltar leite em 2020?
[20/01/2020] - Farelo de soja está mais caro
[20/01/2020] - Novos adidos agrícolas tomam posse
[20/01/2020] - Anvisa decide que abamectina continuará à venda
[20/01/2020] - MS deve criar fundo privado para sanidade
[20/01/2020] - Tabela de frete será julgada em fevereiro?
[17/01/2020] - O acordo EUA-China prejudica a carne brasileira?
[17/01/2020] - China: produção de carne suína tem queda histórica
[17/01/2020] - Bois e carne viram foco de bandidos
[17/01/2020] - Carne volta a cair com força no atacado
[17/01/2020] - Arroba volta a cair: pressão de baixa continua
[17/01/2020] - Controladores do Minerva venderão ações
[17/01/2020] - Minerva quer voltar a distribuir lucro
[17/01/2020] - Saída do BNDES da JBS vai atrasar novamente
[17/01/2020] - Nova tabela de frete: alta de 11 a 15%
[16/01/2020] - Arroba: frigoríficos estão pagando preços iguais?
[16/01/2020] - A alta do boi em 2019 foi realmente forte?
[16/01/2020] - Agro respondeu por 43% das exportações do Brasil
[16/01/2020] - Pecuarista investiu apesar da crise
[16/01/2020] - Inflação medida pelo IGP mostra desaceleração
[16/01/2020] - Leite: preço deve subir no curto prazo
[16/01/2020] - Minerva fará oferta de ações
[15/01/2020] - Arroba volta a cair com pressão dos frigoríficos
[15/01/2020] - Preço da carne bovina tem queda forte em MT
[15/01/2020] - China pressiona frigoríficos por preços menores
[15/01/2020] - China vende mais carne das reservas estatais

     Clique aqui para ver o índice geral de noticias


 

 

 

Adicione seu site Comprar e vender Atendimento ao anunciante Mais buscados

Venda para a pecuária brasileira através da Internet!
Clique aqui e veja como anunciar no Pecuária.com.br