Cotações Mapas Notícias em seu e-mail
Precisa vender? Mais de 6.000 visitantes diariamente esperam pelo seu produto aqui no Pecuaria.com.br. Clique aqui e veja como e facil anunciar!
Arroba do Boi - R$ (À vista)
SP MS MG
146,00 131,00 142,00
GO MT RJ
142,00 131,00 141,00
Reposição - SP - R$
Bezerro 12m 1280,00
Garrote 18m 1550,00
Boi Magro 30m 1910,00
Bezerra 12m 950,00
Novilha 18m 1170,00
Vaca Boiadeira 1320,00

Atualizado em: 13/12/2017 12:20

Cotações da Arroba: SP-Noroeste, MS-Três Lagoas, MG - Triângulo, GO - Região Sul, MT - Rondonópolis, RJ-Campos
Clique aqui e veja cotações anteriores

 

 

 

 


 
Receba, diariamente, em seu
e-mail nosso boletim com os assuntos que mais interessam
ao profissional do setor.

Clique aqui e inscreva-se gratuitamente.


Adriano Garcia
MTb 10252-MG

 

Cooperativismo gera bons resultados à pecuária

 
 
 
Publicado em 11/03/2011

MARCO AURÉLIO BERGAMASCHI
Publicado na Folha de S. Paulo - 11/03/2011

A maioria dos produtores brasileiros de leite é constituída por pecuaristas de pequeno porte, o que dificulta tanto a compra de insumos como a venda dos produtos.

Raramente o produtor, individualmente, consegue boa negociação e acaba submetido aos preços, aos prazos e às condições impostas pelas empresas ofertantes e pelas indústrias processadoras.

A falta de planejamento e de organização, observada com frequência nas propriedades, estende-se às relações do produtor com sua cooperativa, entre outros produtores e destes com os demais elos da cadeia produtiva do leite.

Apesar de no Brasil as cooperativas captarem e processarem cerca de 40% do total do leite produzido, elas são vistas, pelos próprios cooperados, quase que exclusivamente como locais para entrega do produto.

A pequena participação dos mesmos nas decisões e no dia a dia enfraquece a sociedade cooperativa. Assim, ficam inibidos os benefícios que poderiam ser gerados pela união de pessoas com um objetivo comum.

Por isso, não basta apenas constituir a entidade. A participação de cada sócio é fundamental, seja na deliberação dos assuntos ou na tomada das decisões. A força de uma organização dependerá da profissionalização de sua gestão e também do comprometimento e da fidelidade de cada associado à sua entidade.

As vantagens advindas de organizações formais, bem estruturadas e geridas, como associações e cooperativas, são enormes.

Além de melhores preços na compra e na venda, as cooperativas oferecem informações e assistência técnica que ajudam a melhorar a atividade dos associados.

No caso de regiões onde não há laticínios, elas podem prestar serviços de recebimento, de processamento e de comercialização de derivados lácteos, em maior volume, obtendo melhores resultados. Tudo isso remunerando o produtor de forma justa.

Os setores reconhecidos como "fortes" em qualquer ramo da economia, no Brasil ou no exterior, estão normalmente organizados e representados por algum tipo de organização social, como cooperativas, associações ou sindicatos.

Na cadeia do leite não é diferente. Vários exemplos podem ser encontrados em países importantes para a produção leiteira. A fusão de cooperativas na Nova Zelândia possibilitou a diminuição de custos e o país é hoje o maior exportador mundial de leite em pó. O Canadá é outro caso de associativismo bem-sucedido. Dois exemplos para o cooperativismo brasileiro.

MARCO AURÉLIO BERGAMASCHI é médico veterinário, doutor e responsável pelo Sistema de Leite da Embrapa Pecuária Sudeste (São Carlos - SP).

  Compartilhe Compartilhe esta matéria    Imprimir

 


   Leia também:
 
[13/12/2017] - Arroba: frigoríficos estão precisando comprar boi
[13/12/2017] - Reposição ganha força com a chegada das chuvas
[13/12/2017] - Exportação de gado subiu quase 32% em 2017
[13/12/2017] - Agência prevê 2018 melhor para os frigoríficos
[13/12/2017] - Mercosul cede, mas UE adia acordo para 2018
[13/12/2017] - Brasil trabalha forte para abrir mercado britânico
[13/12/2017] - Maggi crê que mercado dos EUA será reaberto logo

Regras para a publicação de comentários


   Notícias Anteriores
 
[13/12/2017] - Argentina ganha espaço entre os exportadores
[13/12/2017] - JBS deverá devolver terreno de frigorífico no MT
[13/12/2017] - Câmara conclui aprovação da Lei do Funrural
[13/12/2017] - Famato pede prorrogação para inscrição no CAR
[13/12/2017] - MST invade fazenda recém-desocupada no Paraná
[12/12/2017] - Exportações de carne bovina: recorde histórico
[12/12/2017] - MAPA vai atender exigências dos russos
[12/12/2017] - Arroba: frigoríficos tentam segurar alta do boi
[12/12/2017] - Produção de carne fica estável no MS
[12/12/2017] - Frigoríficos criticam imposto menor para o boi
[12/12/2017] - Mais um processo contra a JBS e Wesley Batista
[12/12/2017] - UE quer abertura, mas carne bovina ainda é entrave
[11/12/2017] - Operação da PF investiga propina da JBS a fiscal
[11/12/2017] - Arroba continua a subir com firmeza
[11/12/2017] - Carne sobe e melhora perspectiva para o boi
[11/12/2017] - Reposição começa a se agitar no Tocantins
[11/12/2017] - Acordo com a UE pode ser anunciado até o dia 21
[11/12/2017] - Missão oficial de Hong Kong inspeciona frigorífico
[11/12/2017] - Funrural: votação deve acabar amanhã na Câmara
[11/12/2017] - Venda de milho está parada
[08/12/2017] - Arroba: frigoríficos pagam cada vez mais pelo boi
[08/12/2017] - Frigoríficos: vendas para o Natal surpreendem
[08/12/2017] - Reação do mercado agora depende do consumidor
[08/12/2017] - JBS diz que vai recuperar o mercado perdido
[08/12/2017] - BNDES deve vender ações da JBS
[08/12/2017] - JBS mantém planos de vender ações em NY
[08/12/2017] - Venda da Itambé pode parar na Justiça
[08/12/2017] - Governo do MS reduz impostos para laticínios
[08/12/2017] - Preço do farelo de algodão cai com força
[07/12/2017] - Arroba: boi sobe e tem mais espaço para alta
[07/12/2017] - Preço do bezerro sobe com volta das chuvas
[07/12/2017] - Exportações podem fechar ano com forte alta
[07/12/2017] - Ameaça de Trump faz México buscar carne do Brasil
[07/12/2017] - Negociações para reabertura da Rússia vão bem
[07/12/2017] - Compra da Itambé cria nova líder no leite
[07/12/2017] - Índios pedem ajuda para poder produzir
[06/12/2017] - Arroba: cotações firmes e subindo
[06/12/2017] - Confinamento deve fechar o ano com alta de 5,5%
[06/12/2017] - CCPR surpreende e vende Itambé imediatamente
[06/12/2017] - Leite: qual a perspectiva para os próximos meses?
[06/12/2017] - Leite caiu, mas custo de produção segue subindo
[06/12/2017] - Lácteos: Brasil importa menos, mas deficit segue
[06/12/2017] - Gilmar Mendes pede vista e Wesley continuará preso
[06/12/2017] - CPI da JBS pode convocar Lula e Dilma para depor
[06/12/2017] - Bancada corre contra o tempo por Funrural
[06/12/2017] - CNA pede aprovação da Reforma da Previdência
[06/12/2017] - Fazenda de frigorífico falido é invadida em SP
[05/12/2017] - Arroba sobe com demanda firme
[05/12/2017] - Carnes sobem e devem puxar a arroba do boi
[05/12/2017] - Recuperação no consumo puxa ações de frigoríficos

     Clique aqui para ver o índice geral de noticias


 

 

 

Adicione seu site Comprar e vender Atendimento ao anunciante Mais buscados

Venda para a pecuária brasileira através da Internet!
Clique aqui e veja como anunciar no Pecuária.com.br