Cotações Mapas Notícias em seu e-mail
Precisa vender? Mais de 6.000 visitantes diariamente esperam pelo seu produto aqui no Pecuaria.com.br. Clique aqui e veja como e facil anunciar!
Arroba do Boi - R$ (À vista)
SP MS MG
313,00 302,00 313,00
GO MT RJ
304,00 298,00 298,00
Reposição - SP - R$
Bezerro 12m 2620,00
Garrote 18m 2900,00
Boi Magro 30m 3420,00
Bezerra 12m 2240,00
Novilha 18m 2680,00
Vaca Boiadeira 2840,00

Atualizado em: 6/12/2021 11:15

Cotações da Arroba: SP-Noroeste, MS-Três Lagoas, MG - Triângulo, GO - Região Sul, MT - Rondonópolis, RJ-Campos
Clique aqui e veja cotações anteriores

 

 

 

 


 
Receba, diariamente, em seu
e-mail nosso boletim com os assuntos que mais interessam
ao profissional do setor.

Clique aqui e inscreva-se gratuitamente.


Adriano Garcia
MTb 10252-MG

 

EDITORIAL: O "bom governo" de Lula

 
 
 
Publicado em 25/08/2006

Adriano Garcia
Jornalista, Editor do Pecuária.com.br

A equipe editorial do Pecuária.com.br já havia, há muito, restringido a cobertura de assuntos relacionados à campanha eleitoral deste ano, dada à absoluta ausência de propostas concretas relacionadas ao agronegócio vindas dos principais candidatos à Presidência, Câmara e Senado. Assistir à propaganda eleitoral ou acompanhar a imprensa neste sentido tem sido uma tarefa inútil para o setor.

Porém, não é possível ignorar o artigo do colunista Kennedy Alencar (clique aqui para lê-lo), publicado hoje pela versão online do jornal "Folha de São Paulo". Nele, o jornalista avalia que, apesar das questões éticas, "no atacado Lula acertou nas questões econômica e social".

Certamente, com sua ótica urbana focalizada nos setores representados predominantemente na capital paulista, o jornalista não levou em consideração o agronegócio como "questão econômica" dos dias atuais. Ignorou a devastação de uma região inteira na fronteira do Mato Grosso do Sul e Paraguai, que quase diariamente tem seus problemas publicados neste site, causados pelo ressurgimento da febre aftosa na área. A doença reapareceu ou pela falta de verbas para defesa animal, ou pela inexistente vigilância de fronteira, ou por ambos - responsabilidades do Governo Federal.

Publicamos uma matéria onde técnicos do MAPA mantiveram o fechamento das mesmas áreas sul-matogrossenses por mais tempo, pois os criadores, desconfiados da competência do governo, simplesmente revacinaram o rebanho, temerosos de novos abates. Logo em seguida um segundo aumento, em questão de semanas, da pauta tributária do boi, foi decretado pelo governo estadual, formado por aliados do presidente.

É uma crise difícil de ignorar. Os embargos (russo e europeu) permanecem para as principais regiões produtoras do Brasil, prejudicam as exportações (das quais o agronegócio é, ainda, predominante) e fazem a alegria daqueles que lucram com a arroba depreciada e o preço sempre crescente na ponta do varejo.

Enquanto isto, do governo somente lemos que os projetos para o setor resumem-se à revisão dos índices de produtividade.

Onde está o "bom governo"?

Talvez no patrimonialismo crescente do partido oficial, onde procura-se ampliar o "socialismo para poucos" que faz parte da história brasileira desde o império: ótimos salários e aposentadorias para o funcionalismo sem cobrança por eficiência, "Bolsa-Escola" sem fiscalização de contrapartidas para a clientela eleitoral, aposentadorias baixíssimas para aqueles que contribuíram a vida inteira para o INSS e a conta, como sempre, sendo "socializada" para o restante da sociedade, via déficit público coberto com mais impostos e juros altos.

Não é sem razão que assistimos ao aumento da criminalidade. Se é tão fácil conseguir "benefícios sociais" sem grande esforço e contrapartida, se a invasão criminosa de terras não é punida, mas recompensada, onde está o valor da ética do trabalho?

Não vamos mencionar os escândalos políticos recentes, pois o candidato Lula já está convencido de que, destes, está absolvido.

Com a palavra, o eleitor.

  Compartilhe Compartilhe esta matéria    Imprimir

 


   Leia também:
 
[06/12/2021] - EUA não vão parar de importar carne do Brasil
[06/12/2021] - Não vai ter carne para atender chineses
[06/12/2021] - Arroba: frigoríficos vão pagar ainda mais?
[06/12/2021] - Arroba: mercado de olho no consumo
[06/12/2021] - Milho: vendedores seguram oferta e preço sobe
[03/12/2021] - Arroba: referências em alta
[03/12/2021] - Arroba: frigoríficos pagam bem mais

Regras para a publicação de comentários


   Notícias Anteriores
 
[03/12/2021] - Leite: mercado sofre ajuste
[03/12/2021] - Exportações do Agro cresceram quase 20%
[03/12/2021] - Agro precisa de apoio, diz FAESP
[03/12/2021] - Minerva conclui compra de frigoríficos
[03/12/2021] - Crédito rural: contratações cresceram 23,5%
[02/12/2021] - Arroba: frigoríficos entram com força na compra
[02/12/2021] - CEPEA: boi volta a bater nas máximas
[02/12/2021] - Rússia habilita mais duas unidades para exportação
[02/12/2021] - Vizinhos da Rússia também querem importar carne
[02/12/2021] - Por que o PIB do Agro caiu?
[02/12/2021] - Inflação medida pelo IPC também perdeu força
[01/12/2021] - Arroba: boi segue em alta
[01/12/2021] - Arroba: frigoríficos já estão pagando mais em SP
[01/12/2021] - EUA devem aumentar importação de carne do Brasil
[01/12/2021] - Exportações: volume caiu, mas preço da carne subiu
[01/12/2021] - Deputados debatem aumento de custo na pecuária
[01/12/2021] - MAPA prorroga vacinação em 14 estados
[01/12/2021] - Câmara aprova indenização a pecuaristas
[30/11/2021] - Arroba: frigoríficos pagam acima da referência
[30/11/2021] - Scot vê oferta curta de boi
[30/11/2021] - Boi gordo em alta em Goiás
[30/11/2021] - Abates aumentaram 18% em Mato Grosso
[30/11/2021] - Frigoríficos prevêem disparada do boi
[30/11/2021] - Leite: preço do leite caiu com força
[30/11/2021] - Senado aprova preço mínimo para perecíveis
[30/11/2021] - Tereza: produtor precisa ser pago por preservação
[29/11/2021] - Arroba: mercado agora espera sinal do consumo
[29/11/2021] - Embargo chinês é jogada comercial, diz produtor
[29/11/2021] - Ministro chama ameaça da UE de protecionismo
[29/11/2021] - Milho: preços reagem após 2 meses de queda
[29/11/2021] - Vacinação contra aftosa é prorrogada em SP
[29/11/2021] - Leite: indústrias reclamam de queda nas vendas
[29/11/2021] - IGP-M perde força e fica abaixo das previsões
[26/11/2021] - Arroba: boi em alta, carne também subiu
[26/11/2021] - Arroba: preços também subiram em SP
[26/11/2021] - Margem do pecuarista deve subir se China voltar
[26/11/2021] - Confinamento cresceu em 2021 e deve crescer mais
[26/11/2021] - EUA: Brasil lidera produtividade agropecuária
[26/11/2021] - Economia: atividade cresceu 2% em outubro
[26/11/2021] - Senado aprova projeto que pode reduzir frete
[25/11/2021] - Arroba: mercado em alta
[25/11/2021] - CEPEA vê arroba do boi a R$ 310
[25/11/2021] - Milho cai em Mato Grosso do Sul
[25/11/2021] - Produtores de suínos comemoram abertura russa
[25/11/2021] - Arbitragens mostram a briga por trás da JBS
[24/11/2021] - Rússia libera exportações de 12 frigoríficos
[24/11/2021] - Arroba: o que fazer agora?
[24/11/2021] - Arroba: reabertura chinesa já mexe com o preço
[24/11/2021] - Tereza: embargo chinês pode cair em dezembro
[24/11/2021] - Lácteos: preços em queda no Paraná

     Clique aqui para ver o índice geral de noticias


 

 

 

Adicione seu site Comprar e vender Atendimento ao anunciante Mais buscados

Venda para a pecuária brasileira através da Internet!
Clique aqui e veja como anunciar no Pecuária.com.br